Seja um de nossos seguidores

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Polícia Civil prende gangue acusada de homicídios e interceptação de motos roubadas em Bananeiras


Depois de dois dias de trabalho intenso na zona rural de Bananeiras, o delegado da cidade, Dr. Diógenes, juntamente com o GOE (Grupo de Operações Especiais) da Polícia Civil de Guarabira, realizaram uma mega operação que culminou com a prisão de vários elementos acusados de homicídios, assaltos, receptação de motos roubadas, entre outros delitos.

De acordo com o agente Pereira, o Dr. Diógenes solicitou ao delegado regional, Nolrival Portela, um apoio para realizar levantamentos na região para tentar prender alguns bandidos. Ao fazer as abordagens, os policiais prenderam em flagrante, Aurélio Costa de Lima (vulgo teroudo), 24 anos, residente no Sírio Tabuleiro, Valter Elias Gomes, 25 anos, residente no Sítio Santa Vitória, Valdir Pereira da Silva (vulgo cachimbo), 23 anos, residente no Sítio Tabuleiro, Ademar Elias Gomes, 28 anos, residente no Sítio Santa Vitória e Roberto Ribeiro dos Santos, residente no Sítio Tabuleiro, todos em Bananeiras. Com eles foram encontradas quatro motos todas roubadas e identificados os seus verdadeiros donos.



Outras onze motos também foram recuperadas, mas devido aos chassis terem sido adulterados ainda não foi possível fazer as identificações dos proprietários.

Em entrevista ao repórter Zé Roberto, o agente Nóbrega, disse que os elementos, identificados como Sandrinho e Fabiano (Preso na semana passada por roubo de moto), são acusados do assassinato do comparsa Vetinho de Adauto, que também fazia parte da gangue. De acordo com Nóbrega, outro elemento identificado como Branco, principal integrante, estava aterrorizando aquela região.

Nóbrega disse também que a partir de agora a região de Bananeiras deverá ter um pouco mais de tranqüilidade, pois a gangue que foi desarticulada hoje é muito grande.

Nóbrega disse ainda que as motos roubadas, por estes elementos, sempre eram vendidas a pessoas residentes na zona rural e aproveitou para pedir que os ruralistas não comprem estes produtos de roubo, pois procedendo assim estarão financiando o tráfico de drogas, armas e a morte de muita gente que são executadas nos assaltos.

Em toda a operação que vem sendo desencadeada há vários dias, a PC também conseguiu tirar de circulação Vetinho de Arlindo, Fabiano, Késsio de cara seca e Adriano, de João pessoa e da mesma gangue. Leia a matéria: clique aqui

Ao finalizar, Nóbrega deixou um recado para Branco, Fabiano e Sandrinho, dizendo que eles podem ter certeza de que serão presos muito em breve.
 
http://www.bananeirasonline.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS:Comentários dos leitores não refletem a opnião do Blog.